Testemunhos Viventes

 

46 - Amigo Poeta

No Natal, Deus me deu um grande presente: um amigo poeta que me fez refletir sobre poemas bem profundos, embora não existisse rima e nem métrica. Aqueles poemas eram ungidos...
Ele também me fez gostar de tomar cerveja e rir à toa! Mesmo ele sempre se mostrando discreto, tímido e sem expectativas de ser tão comprometido com as coisas que mexessem com o emocional das pessoas e edificando-as! Ele foi um enviado por Deus para me fazer feliz naquele dia...
Mas, orando em um determinado momento, vinha em meu coração, orar mais para ele, assim o fiz. Quando cheguei em casa, inspirei-me em um Salmo para ele ler, no qual alertava sobre seus inimigos. Dias depois, fiquei sabendo de um acontecimento no trabalho dele que não o beneficiava. Orientei-o a rezar Efésios 6 (Armadura do Cristão) para se fortalecer na fé.
Dias depois, ele liga dizendo que estava sendo prejudicado no emprego, mas que tudo fora resolvido a tempo.

 
© Copyright | www.testemunhosviventes.com.br | 2008 - 2020 | Todos os direitos reservados